Jovem é morto a tiros ao defender esposa vítima de assédio

Mateus Santos de Souza, de 23 anos, foi assassinado com um tiro no peito após discussão em uma praça no centro de Barreiras, por volta das 05:30 do último domingo, 29.

Testemunhas informaram à polícia que Mateus se envolveu em um discussão com outro homem, porque este teria assediado a sua esposa. Esse homem saiu do local, mas retornou em um veículo e efetuou um disparo de revólver contra a vítima, fugindo em seguida.

O jovem caiu no local e morreu em poucos minutos, mesmo recebendo socorro de uma equipe do SAMU. Policiais militares fizeram a proteção para os trabalhos da perícia técnica, que liberou o corpo para o Instituto Médico Legal (IML).

 

 

Fonte: Portal Lapa Oeste

Deixe um comentário