Prefeitura de CG tenta a desapropriação das casas populares no bairro Estação da Luz

As casas populares foram invadidas no primeiro semestre do ano de 2016 e só agora as autoridades competentes procuraram os ocupantes informando que seria tomada algumas providências a respeito da situação.

Segundo pessoas que residem na localidade, uma reunião foi realizada nas dependências do Rotary Club de Capim Grosso para tentar um acordo entre prefeitura e moradores. Ainda de acordo com populares, o advogado, Drº Daniel Novais, que intermediou a reunião, informou que se a população do logradouro saísse pacificamente, a prefeitura ajudaria os mesmos através de doação de cestas básicas e disponibilizaria um caminhão para a locomoção dos móveis e pertences.“Eles nos ofereceram cestas básicas e um caminhão para levar nossos móveis, mas levar pra onde se a gente não tem onde ficar”, disse uma moradora que ainda fez um convite a prefeita Lydia: “Prefeita, venha nos visitar pra você ver q aqui só tem família de bem sem ter para onde ir”, completou.

Ainda de acordo com moradores, ficou certo deles formarem uma comissão com duas ou três pessoas para ir conversar com a Gestora do município e assim chegar a uma decisão definitiva.

 

Texto: FR Notícias com informações da Rádio Contorno FM

Deixe um comentário