Apesar do acordo caminhoneiros mantêm paralisação nas BRs baianas

Apesar do acordo entre o governo federal e representantes dos caminhoneiros em Brasília, para suspender greve por 15 dias em todo o país no final da noite da última quinta-feira, 24. As mobilizações continuam nas rodovias baianas nesta sexta, 25, quinto dia de manifestações em todo país, amanhece com 27 pontos de interdições em rodovias federais que cortam a Bahia.

Desde a segunda-feira, 21, os motoristas protestam contra os aumentos sucessivos do diesel. Nos pontos de protestos, a passagem é barrada apenas para os caminhões que não transportam cargas vivas ou perecíveis.

No estado, a rodovia com mais interdições é a BR-101. Na estrada, há bloqueios como o do km 110 em Alagoinhas, próximo à uma fábrica de bebidas. Depois com maior número de protestos, aparecem a BR-242 e a BR-116 que tem quatro pontos. Na BR-242, o bloqueio do km 783 em Barreiras, no oeste, está ativo há mais de três dias. Mesma situação do km 421 da BR-116, em Feira de Santana. Com três bloqueios, vem a BR-324; com 2, a BR-407. Com apenas um bloqueio, finalizam as BRs 349, 020, 135, 415.

 

 

FR Notícias com informações BN

Deixe um comentário