Edis lamentam perdas locais para o novo Coronavírus

edil jeffersonA sessão da Câmara de Vereadores desta segunda-feira, 05, foi realizada remotamente. O Presidente da Casa, Jefferson Ferreira, iniciou com uma oração e pedindo benção especial para as famílias capim-grossenses e aqueles que estão acometidos pela Covid-19, além de proteção aos profissionais de saúde. Feito a chamada, justificou-se a ausência dos vereadores Gilberto Alves e Arivelton Mota, por conta do novo Coronavírus. Comentou sobre pessoas que faleceram decorrentes do vírus e que a cada dia mais é preciso fazer a nossa parte e segurar um a mão do outro, “para juntos possamos sair do desastre que acomete todo mundo”. Parabenizou a Liga Desportiva de Capim Grosso, explicando que é necessário ainda melhorar pois o esporte não se resume apenas ao futebol, “e a liga tem o apoio da Câmara de Vereadores”, adiantou. Em relação à Covid-19, disse que são “vinte e dois óbitos em Capim Grosso e outras pessoas ligadas a nós que faleceram em outros municípios”, lembrou. Disse que o município vem cumprindo o cronograma do Plano Municipal de Vacinação, inclusive apresentou projeto que multa quem furar a fila da vacinação.

edil alexO vereador Alex da Metalúrgica disse necessário muita preocupação, com o que o país vem passando, mesmo não sendo fácil, mas é preciso continuar usando máscara e seguindo os protocolos. Comentou sobre a Liga Desportiva de Capim Grosso, que terá nova eleição este ano e Patrício Oliveira (Tita), atual presidente, fez um belo trabalho, deixando um legado. “Sabemos que fazer um trabalho no esporte em Capim Grosso é complicado com a Liga em situação difícil, mas o grupo conseguiu levantar a Liga Desportiva e está pronta para continuar fazendo um trabalho à frente do esporte. Lembrou do apoio recebido como a ex-prefeita Lydia Pinheiro, onde participaram de dois Intermunicipais, Copa Bacia do Jacuípe com atletas do sub 17 e foram, agradecendo aos jogadores do município, “temos que valorizá-los e esperamos que o próximo presidente faça um ótimo trabalho”, disse. Falou sobre uma indicação de sua autoria em relação a capinas do Bairro Planaltino e pediu que o secretário de urbanismo pudesse ter um olhar melhor sobre o local, “o mato tomou conta e não pode deixar daquela maneira”, concluiu. 

edil joO vereador Jó Queiroz comentou da ausência dos vereadores sobre problemas de saúde, principalmente Arivelton Mota que está em casa se cuidando e Gilberto que passa por um momento difícil, porém logo deve estar se recuperando e estará junto aos vereadores. “A gente como ser humano e pai de família tem que pedir a Deus para nos ajudar e aquelas pessoas que estão passando por momentos difícil”, completou. Se solidarizou com as famílias que perderam entes queridos. “Que Deus conforte a cada um de vocês”, concluiu.

 

 

edil lucasO vereador Lucas Maciel disse que o momento é de muita tristeza das pessoas que perderam muitos familiares. “Os vereadores que precisam de orações, Arivelton Mota, passa bem, porém Gilberto está precisando das nossas orações para logo estar por perto”, comentou. Lembrou da Moção de Pesar ao falecimento do Pastor Pacheco, como forma de solidariedade para a família enlutada. Disse que o trabalho está em ritmo acelerado apesar da pandemia, pelo o vereador fazer a ponte entre o problema do povo e a solução, com a maioria delas pela prefeitura, porém esteve com o Deputado Estadual Alex da Piatã, onde cobrou que leve o melhoramento da segurança pública da cidade, sabendo que Capim Grosso recebeu um grande efetivo com viatura e moto.  “O Distrito de Pedras Altas necessita de uma base da Polícia Militar, pois são 20 km de distância e demora para uma viatura chegar lá, é um local grande além da redondeza, peço o apoio dos colegas e irei levar o pedido ao prefeito Sivaldo para que possa se empenhar”, solicitou. “Quase diariamente estamos nas secretarias da prefeitura buscando soluções, estou à disposição do povo para ajudar a resolver os problemas”, concluiu.

edil nanalO vereador Nanal Vilas Boas lamentou a morte de capim-grossenses por Covid-19, também a nível nacional, como o artista Agnaldo Timóteo, que tinha posicionamento político e social. “Uma figura que falava a verdade e acabava sendo polêmico”, disse. Comentou sobre duas proposições de sua autoria como o Conselho Municipal de Esportes, estabelecido pelo Executivo. “A Liga Desportiva, na pessoa de Patrício Oliveira, fez um grande trabalho, mas é preciso descentralizar o esporte, a participação do desportista e o conselho é um caminho aberto para que venha as opiniões e fiscalização e distribuição de ideias para que o esporte avance e descentralize do poder propriamente dito”, explicou. A outra preposição, a prefeitura não deu continuidade e aproveitando o novo gestor faz reiteração, “para que possam realizar o plantio de árvores frondosas em frente aos prédios públicos e os zeladores poderão molhá-las e no final desse mandato teríamos grandes espaços públicos para estacionamentos de carros e as pessoas tenham esse conceito ambiental”, explicou. “Espero em Deus a recuperação dos nobres colegas e a divina proteção”, concluiu.

edil valO vereador Val de Pedrinho se solidarizou com as familiais dos amigos que partiram, nas pessoas do Pastor Pacheco e Hélio da Ambulância, além de Glaert, amigo próximo. Uma pessoa que todos admiravam e que fica agora a saudade. Comentou sobre seu requerimento ao Poder Executivo pedindo a liberação do Colégio João Ferreira da Cunha na comunidade do Alto Bonito, onde existe uma associação que não está encontrando um espaço adequado para realizar suas reuniões e o colégio foi desativado e a comunidade não está tendo acesso. “As pessoas estão se reunindo em uma garagem”, explicou. Agradeceu a Jai de Toca Branca que será o próximo Presidente da Liga, para quando passar a pandemia, possa voltar aos campeonatos municipais e rurais, que são importantes para o município.

edil neyO vereador Professor Ney parabenizou a gestão municipal por ter distribuído 4.450 kits de alimentos para famílias de estudantes da rede municipal, entre eles, alimentos da agricultura familiar comprada no município. “Parabéns à secretaria e ao prefeito. Foram investidos mais de 250 mil reais em alimentos. A cesta custava em média 60 reais. A gente percebe a pobreza no país e no município crescendo e a preocupação do gestor com a necessidade dos alunos e torcemos para as ações melhorarem”, explicou.  Ainda faltam entregar alguns kits a alunos que precisam ir retirar. Sobre a Covid-19, disse ser uma semana triste além do recorde de mortes do país e na cidade pessoas conhecidas morrendo. “O vereador e amigo Gilberto vem se recuperando bem”, informou. “Capim Grosso recebeu 5.224 doses de vacina e isso representa quase 20% da população, 3.757 pessoas foram vacinadas com a primeira dose e 1.262 foram com a segunda dose.  Estamos adentrando a segunda fase do Plano Municipal de Vacinação”, informou. “Esse foi o mês de pessoas com Síndrome de Down e nossa indicação é que sejam inseridos juntos com pessoas autista na 2ª ou 3ª fase da vacinação e também os professores e profissionais de educação.

 

ASCOM Câmara Municipal de Vereadores de Capim Grosso