Vereadores pedem a convocação do gerente da Coelba por constante falta de energia

O Presidente da Câmara de Vereadores, Jefferson Ferreira anunciou a presença do vereador Gilberto Alves, que foi recebido com uma salva de palmas e orações. Dando continuidade aos trabalhos, foi aprovada a ata da sessão anterior e a feita a leitura da Ordem do Dia.  “Sinta-se abraço e com convicção todos os capimgrossenses estavam intercedendo por você”, pontuou. Disse ter solicitado a presença do representante da Coelba para uma reunião com o objetivo de esclarecimentos do que vem acontecendo e aguarda retorno da empresa.

 

 

O Vereador Arivelton Motta, passou informações sobre a Rua Rosa Reis no povoado de Caiçara, onde existe na Casa requerimentos desde de 2013 até 2020 e vai entrar com outra indicação, para pavimentação com paralelepípedo no local. “Com certeza nesse mandato de Sivaldo a rua vai ser calçada, estamos atentos e cobrando, já estive conversando com o prefeito que nos garantiu quando iniciar os calçamentos será feito, pois é um desejo da população”, completou. Cobrou do Secretário de Obras e Urbanismos, Jamber Dantas, que segundo ele vem fazendo um ótimo trabalho, mas, na questão da iluminação da zona rural, a cobrança é grande, “então eu peço agilidade”. “Vou fazer o pedido ao prefeito da reposição das lâmpadas da zona rural”, adiantou. “O nosso trabalho não para, são várias demandas e pedidos e às vezes não depende só dos vereadores, depende também do secretário e do prefeito”, concluiu.

 

 

O Vereador Kal de Zé Preto, disse reconhecer que o secretário Jamber Dantas vem fazendo um trabalho razoável, mas no Planaltino a rua Antônio e Petrolina que estavam inclusos no projeto de calçamento, o trecho na rua Vila Nova estão cheias de crateras e é preciso ser feito com urgência, foi com o próprio carro e precisou dá a ré por não ter como passar, “aquele trecho está intransitável”. “Pelo menos precisa amenizar se não for fazer o calçamento agora”, pediu. “O prefeito é o presidente do consórcio, então conserte logo a máquina para fazer os serviços da cidade, nós conhecemos estrada, a hora de patrolagem é agora, quando está seco patrola hoje com dois ou três dias já tem costela de vaca e a máquina fica muito tempo em manutenção”, cobrou. Disse ter um requerimento de sua autoria para murar o campo de futebol de Pedras Altas, pois quando passa caminhão pesado no local já perde o nível do campo. Falou sobre o projeto do vereador Nanal sobre ataques de cães nas propriedades rurais e um senhor perdeu criações mesmo presas e o centro de zoonose vai diminuir muito o problema, “é preciso que o prefeito olhe com mais carinho”. “Todo projeto que vier com rejeição das comissões eu votarei contra, não faço nada sem convicção do que estou falando”, finalizou.

 

 

O Vereador Gilberto Alves, agradeceu aos vereadores e funcionários da Casa que orou por ele, também ao prefeito Sivaldo Rios, secretários e funcionários. Estendeu os agradecimentos especialmente à comunidade do Peixe, pois nunca havia chorado tanto, como no dia 20 ao chegar ao povoado após receber alta da covid-19. Agradeceu às igrejas evangélicas e católicas que estiveram nessa bandeira, crianças de sete a oito anos que fizeram círculos de orações pelo vereador. “Momento de gratidão à Deus pelo milagre e fazer desse milagre está mais presente, estou muito feliz de retornar à Casa e voltando aos trabalhos”, comentou. Agradeceu ao secretário Jamber pelo mutirão na comunidade. Agradeceu a comunidade de Melancias e disse estar feliz por receber a manifestação que foi feita. “É Deus do milagre, é Deus da Vida”, concluiu. 

 

 

O Vereador Nem de Titininho, pediu a convocação do gerente da Coelba para esclarecimentos por conta da constante falta de energia, e que se paga dois reais por uma segunda via de energia, “não é pouco e não é de direito ninguém pagar”, disse. Pediu a troca de lâmpadas em toda a região, pois recebeu reclamações do Bairro Jardim Formosa e que o Secretário Jamber e o diretor de Iluminação Fuba, coloquem uma pessoa para trabalhar marcando as lâmpadas que estão faltando e assim fazer a troca. 

 

 

O Vereador Alex da Metalúrgica, agradeceu a Deus pelo retorno do colega Gilberto. Pediu ao prefeito a continuidade do calçamento da Rua Tancredo Neves até a escola Severiano em Pedras Altas, “depois da chuva as mães levam os alunos para pegarem as atividades na escola e tem bastante lama, e é preciso melhorar a qualidade de vida das mães e dos professores, é uma reclamação das pessoas de Pedras Altas, mas tenho certeza que o prefeito vai melhorar isso”, adiantou. Sobre o povoado de Água Nova disse que as pessoas estão reclamando em relação ao Posto de Saúde, que tem bastante idosos que frequentam e estão se dirigindo até o bairro Novo Oeste para retirar remédio. “É necessário que se reabra o Posto do local com médico, sendo de grande valia para as pessoas daquela localidade”. Lembrou sobre o pedido de reabertura do Posto de Saúde do Bairro Sacramento, após quatro meses ainda não foi aberto. “Eu sei que vai ser feito, mas, é bom ser concluído o mais rápido possível”, completou. Em relação a iluminação disse que foi cobrado no Jardim Formosa, e não sabe qual o problema, pois a empresa que ganhou a licitação precisa ter um depósito no município para atender a comunidade, “não é justo às pessoas ficarem no escuro e a maioria das ruas do Jardim Formosa se encontram na escuridão”. “A iluminação da zona rural realmente está uma calamidade, tem pessoas com poste de energia na porta e não tem iluminação, nem o braço e nem a lâmpada, eles pagam e tem direito e precisa fazer com que essas pessoas tenham uma qualidade de vida melhor”, reclamou. “A pasta do secretário Jamber da inveja aos outros, trabalha muito, mas em frente à casa de Titininho a água chegar a 30 cm dentro de uma loja, é preciso fazer algo para melhorar a qualidade de vida das pessoas, no bequinho ali chega a 50 cm, a boca de lobo não suporta a vazão da água, ninguém merece viver em uma situação daquela”, cobrou. Informou que esteve nas comunidades de Jetirana, Várzea Suja, Rio do Peixe fazendo as entrega de a caixas d’água e sempre estará à disposição de todos.

 

 

O Vereador Nanal Vilas Boas, também comentou sobre a alegria de Gilberto estar de volta. Falou sobre o aniversário de 36 anos de Capim Grosso e que a cidade se desenvolveu por méritos ou por vocação. “Dia de hoje, Dia do Sertanejo, Capim Grosso perde uma sertaneja, dona Nezinha, mulher do campo e patriota”, solidarizou-se. Em Primeiro de Maio, dia do Trabalhador, se comemorava com festa, os servidores congratulavam-se com esporte e homenageava esse dia, que na luta de épocas passadas e guerras travadas para se conquistar o devido direito do trabalhador, que está sendo cortado em alguns municípios, inclusive em Capim Groso, que é um regresso à época do coronelismo e eu não comungo porque o avanço funcional deveria se manter pela competência por aqueles que de fato trabalharam pelo avanço do estudo e agora não será diferente, vai viabilizar por lei de ações judiciais, que é um direito dos trabalhadores. Sobre os ataques caninos disse que vai continuar para sempre enquanto Capim Grosso não tomar providências. “Capim Grosso está embasado para complementação das leis, pois todos elas já existem, mas nunca foram aplicadas, e o momento da gestão de Dra Lidia pra cá é um momento oportuno para aplicação”, indicou. “O plano uni as leis passadas e as últimas, faz um conjunto e propõem as ideais e mecanismos para a gestão tomar providências, pois além do prejuízo causa também problema de saúde pública na zona urbana do município”, esclareceu. “Alguns municípios que iniciaram as diferenças já são tamanhas”, completou. “Não vou pedir luz para bairro tal e tal pois a cidade inteira precisa de iluminação, foi uma defasagem na administração de Dra Lidia durante quatro anos e agora Sivaldo Rios carece de perdão porque só tem quatro meses, mas antes de pagar qualquer conta primordial é a iluminação pública. “É gerador da construção social que o cidadão paga devidamente. Sobre a indicação de sua autoria pede a troca de um aparelho de internet do Recanto da Seriema. O projeto pared’arte será apresentado na próxima semana, não é essencial , mas é importante, com consciência de cidade  para população capimgrossense. 

edil lucasO vereador Lucas Maciel falou sobre o investimento de R$ 1.700 000,00 (um milhão e setecentos mil reais), que serão investidos em estradas vicinais, em comunidades como Colônia, Várzea Suja, Peixe, Pereira, onde está concentrada a maior bacia leiteira do município, atividade que vem crescendo. "A Secretaria de Agricultura, com o pouco que faz já ajuda muito". “O agronegócio é o que sustenta esse país, não é diferente na Bahia e nem na região, é como se fosse um pilar de segurança, aqui a chuva atrasa, mas Deus é fiel e manda, aqui tem granjas de galinhas, criadores de caprinos e ovinos, é o berço do turfo brasileiro com corridas de quarto milhas, até uma clínica veterinária para transplante de embriões está sendo montado”, explicou. “Agronegócio de Capim Grosso está de parabéns e um investimento como esse só irá fomentar ainda mais e eu não poderia deixar de passar esse reconhecimento, a grande maioria tem parte fundamental nesse investimento porque tudo isso vem através de política e quando a gente regaça a manga é confiando que eles trazem investimento para a nossa cidade, por isso temos a ousadia de pedir voto e com isso não deixaria de frisar essa conquista”, completou. Deixou aberta a opinião sobre a iluminação pública, “a gente não tem poder de execução, mas o caminho é terceirização, o que não funcionar no público vai para o privado, tem setores que funcionam muito bem, então vejo que a terceirização vai desafogar e a população vai ter um atendimento mais eficiente e de forma coerente, justo uma empresa de fora ganhou a licitação mas há demora, se fosse terceirizada teria uma empresa aberta aqui”, disse. Sobre o projeto de lei 209 centenas de municípios já colocaram e o supremo já colocou na mão dos municípios, “nós somos representantes legais do município e que vocês fazem com consciência e tudo que a gente faz aqui ou é de bom ou de ruim para a população e vamos pedir a Deus para tudo que a gente faça seja de bom para a população”, concluiu.

edil brunoO vereador Bruno Victor pediu aos secretário e subsecretário e funcionários, que tenham mais jeito e carinho para atender a população, “é quem paga o salário do funcionário público, do prefeito e do secretário e ultimamente tenho recebido muita queixa de mal atendimento, pessoas idosas e que tem falta de conhecimento e cultura, cada cidade tem sua realidade, me orgulho de falar a língua do “promode”, não é falta de educação, falta de educação é quando se corrige essa pessoa que não tem o mesmo estudo que você”, repudiou. “Nós temos uma funcionaria chamada Ely, que é uma benção, Hosana é uma mãe Dulce, Val no urbanismo que eu tiro o chapéu, mas a carapuça pega pra você que atende mal as pessoas, sua mãe, seu pai, chegar em casa e dizer minha filha o funcionário me tratou tão mal, como você vai se sentir?”, perguntou. “De agora em diante todos que vier da queixa eu vou fazer um oficio direcionado ao prefeito e ao secretário geral”, avisou. “Me sinto bem em receber o bom dia, e problema de casa fica em casa”, completou. Pediu a vacinação de Fazenda Volta e região, “não está certo a vacinadora passar e não avisar, ela disse que não ia voltar com nenhuma vacina, levou a vacina da gripe e das crianças e não avisou”, reclamou. Pediu ao professor Ed Carlos, secretário de administração geral, que analise o custo-benefício que está se gastando para levar as provas dos alunos, a manutenção do carro, o diesel, a diária do motorista, já paga o salário do pai de família, sai mais barato pagar o coitado que está mais de um ano em casa com seu carro escolar parado”. Quero pedir também a Edimario, Secretário de Transportes, tem o celular ligado 24 horas, manda todos os pacientes, a quantidade de carros que viajam é um absurdo, que ligue para o próximo motorista para esperar já na base”, opinou. Deixou os sentimentos a família enlutada da senhora Nezinha, Agente de Saúde, que muito ajudou as comunidades, “uma mulher inteiramente respeitada por nossa população”. Também sobre o terreno do AACC precisa fazer uma limpeza. Agradeceu a Deus e disse estar muito feliz com a volta do vereador Gilberto, o qual acompanha pelo terceiro mandato na Câmara de Vereadores.

edil neyO vereador Professor Ney falou sobre a alegria da volta de Gilberto Alves para as sessões da Câmara. Também falou sobre a liberdade de impressa para a democracia, comemorado no dia 03 de maio. Comentou sobre os problemas da iluminação pública, esclarecendo que é defensor da modernização com a contratação de uma empresa que venha fazer o trabalho de forma moderna, um aplicativo indica em tempo real a quantidade de lâmpadas que precisam ser reparadas. Mostrou números que 5.648 pessoas tomaram a primeira dose e 2884 a tomou a segunda dose, “feliz em ter a esperança da vacina, porém a passos de tartaruga, desde o primeiro dia até hoje, foram apensa 5.648 pessoas que tomaram a primeira dose e isso é um absurdo, mas nós sabemos onde ocorreu o problema e de quem é essa responsabilidade pela demora da chegada da vacina, esperamos a chegada da Sputnik que pode chegar em tempo recorde, se o órgão responsável autorizar”, comentou. “O parecer do projeto 209, que está votando ao contrário, não é que o vereador esteja contra a igreja ser essencial ou deixar de ser, a secretaria de saúde informou que não é o momento de se ter outro serviço como essencial. “Com a chegada da vacina tenho a certeza que as igrejas não vão fechar, assim como o comércio. A comissão de redação e justiça decidiu que cabe à prefeitura tomar a decisão”, esclareceu. Falou sobre um projeto de sua autoria sobre a chegada de uma Defensoria Pública para o município. “As pessoas tem dificuldade de divorciar, muitas vezes ficam com o laço civil, outros para recorrer a pensão alimentícia de um pai pobre, de 100 ou 200 reais e tem que pagar uma advogado, assim, a gente envolver as pessoas pobres com acesso gratuito para o município, também atendendo mais de 50 mil pessoas, moradores de Capim Grosso, São José e Quixabeira, o projeto será entregue ao deputado Bobô para ele dar apoio”, concluiu. 

 

ASCOM Câmara de Vereadores de Capim Grosso