Vereadores falam sobre o requerimento de reforma da academia de saúde

O Presidente Bruno Vitor, falou sobre a reunião realizada na Fazenda Camboeiro: “Estive na Associação Quilombola, para tratar das principais necessidades daquela localidade. Cerca de 27 famílias estiveram presentes, além das técnicas agrícolas, lideranças da Fazenda Volta, Barro Vermelho, Colônia e Camboeiro e o Presidente da Associação, o Sr. Valdir Lima Souza. Os moradores falaram sobre a maior necessidade atual, que é o abastecimento de água, pois devido à estiagem, as cisternas estão secas. Em conversa com a Prefeita Dra. Lydia Pinheiro e o Secretário de Agricultura, Ricardo Souza, iremos abastecer todas as cisternas, além de dar toda assistência necessária para as famílias da comunidade do Camboeiro, para que elas continuem produzindo e garantindo sua única fonte de renda”.

Sobre a limpeza das aguadas, disse: “A prefeita Dra. Lydia é muito sensibilizada com homem do campo e com certeza ela quer que todas as aguadas sejam limpas, independentemente de qualquer coisa, pois como ela sempre me diz, que está prefeita para trabalhar para o todo o povo de Capim Grosso”.

 

 

O Vereador Jefferson Ferreira, falou sobre o requerimento da reforma da academia de saúde: “Mais um requerimento foi atendido com a reforma da academia de saúde, ao lado do Posto do Estado. Nós vereadores estamos buscando apoio com secretários e a com a gestora para trazer mais conquistas, promovendo políticas públicas para melhorar a qualidade de vida da nossa população”. Sobre a policlínica, disse: “É preciso melhorar alguns pontos, mas foi um avanço muito importante a inauguração dessa policlínica em Jacobina, sem contara distância, muito menor para ser percorrida como era até Salvador. Acredito que que a centralização da saúde é o caminho certo, como agora também foi inaugurada a Policlínica em Senhor do Bonfim, melhorando a qualidade de vida do povo que está distante da capital”.

 

 

O Vereador Samoel Ferreira, falou sobre a conquista de mais uma máquina agrícola para o município: “É com muita felicidade que posso falar que ganhamos mais uma máquina. Em breve a Associação da Várzea Suja receberá o tão sonhado trator para facilitar o trabalho de toda aquela comunidade”. O edil falou das dificuldades para realização de exames na policlínica: “É a maior dificuldade marcar uma ressonância. Que eu saiba a policlínica em nossa região é para suprir nossas necessidades, mas o limite que estão disponibilizando é pouco. Os prefeitos devem se reunir e tentar viabilizar esse processo”.

 

 

O Vereador Jamber Dantas, parabenizou Paulo Sampaio pelo excelente trabalho na direção da UPA: “A nossa UPA funciona muito mais do que muitos hospitais de cidade grande. Só de atendimento no mês de outubro, foram 5.870, além de transferências para outras cidades, exames de eletrocardiograma, raio-x, atendimento com a SAMU e os pacientes de outras cidades. Mas nada disso seria possível se não fosse o profissionalismo e dedicação de Paulo e toda sua equipe”. O edil falou sobre sua viagem a Salvador em busca de solucionar o problema de ataque aos animais dos produtores rurais: “Estive com Dra. Débora Paraná, Diretora da Universidade Federal da Bahia, pedindo solução para combater os ataques de cães as criações de ovinos e caprinos que vem atacando centenas as propriedades de nossa cidade e região. Também estive também no Centro de Controle de Zoonoses da cidade de Salvador, buscando informações para ajudar nas ações que venham minimizar os ataques”.

 

 

O Vereador Jó Queiroz, falou que esteve com o Secretário de Agricultura, Ricardo Souza e a Prefeita para justamente tratar da limpeza das aguadas: “Sabemos que muitas aguadas já foram limpas, faltam algumas, pois a demanda é grande, e as máquinas não trabalham apenas na limpeza dos tanques”.

O edil fez um requerimento verbal: “Referente a reforma do colégio Edvaldo e a reforma ou a construção de um colégio no Bairro José Mendes. Estive no colégio Zulmira, acompanhado do secretário Ed Carlos, e realmente precisa de uma reforma. Acredito que a construção de um novo colégio iria atender ainda mais os moradores de vários bairros como José Mendes, São Luiz e Angelita Queiro”, finalizou.

 

 

O Vereador Arivelton Mota, saudou o diretor da UPA, Paulo Sampaio: “Sempre que precisamos, ele nos atende, bem como toda a população. Paulo vem realizando um trabalho com amor e dedicação a todos que precisam de atendimento na área da saúde”.

O edil parabenizou a gestão pela realização da prefeitura itinerante em Caiçara: “Além de atender os moradores do povoado, atendeu os moradores das regiões vizinhas. Conseguimos diminuir a demanda de muitos atendimentos, tanto na área da saúde como de assistência social, limpeza, capina e poda de arvores”.

Arivelton falou sobre as cobranças em relação à Embasa: “Muitos moradores reclamaram que a água não está chegando até a caixa d’água, sem contar a qualidade. O colega vereador Jefferson Ferreira informou que a EMBASA teve alguns problemas de na estação de tratamento, o que reduziu o abastecimento, mas acredita que a situação deve ser normalizada ainda esta noite”.

 

 

O Vereador Nanal Vilas Boas, falou sobre o discurso do vereador Antonio Martinho: “Me recordei, que pedi ao então Secretário de Agricultura que desse início a limpeza de aguadas, pois não daria tempo para atender toda a demanda. Mas ele me disse que foi orientado a agir desta maneira, pois não poderia mandar a máquina sem ter ao menos quatro tanques próximos, para assim diminuir os custos. Então veio a chuva, e não foi possível mais realizar a limpeza dos mesmos. Nós, do Poder legislativo e a prefeita, devemos buscar alternativas para que os tanques sejam limpos o mais rápido possível”, disse.

 

 

O Vereador Antonio Martinho, falou da solicitação da lista das famílias que foram beneficiadas com a limpeza das aguadas: “Participando de um mutirão, mais uma vez uma decepção com secretaria de agricultura, em especial como secretário tem tratado o nosso povo. As pessoas chegam na secretaria e são maltratadas. É uma falta de respeito, mostra e mostra a pouca vontade de ajudar nosso povo. O colega vereador Jefferson informou que a secretaria disse que tem 60 aguadas limpas. Isso em quase 90 dias, não limpa uma por dia então. Digo isso, porque já fui secretário da Prefeita Lydia e, na época, não tínhamos nenhuma máquina. E limpamos muito mais aguadas do que agora. Fica claro e evidente que, inclusive ressentimento, intitulou que caso o PT perca essa secretaria, a relação da prefeita com o governador iria se estreitar. Essa secretaria não tem ajudado a prefeita Dra. Lydia em desenvolver sua gestão”, afirmou.

 

 

 

ASCOM CMV